10/08/2015

O Sino Nazista


Em um vale remoto fora de Ludwikowice, Polônia, encontra-se uma estrutura peculiar, circular denominada HENGE, ou armadilha de voo. Este vale foi tomado pelas SS na segunda guerra e foi usado como uma instalação secreta com fins industriais e pesquisa científica. 
Especialistas dizem que a estrutura serviu de apoio para uma torre de resfriamento usada por uma mina de carvão, mas de acordo com Withcoscin e outros do alto comando alemão, os nazistas não teriam dedicado tanto tempo e custos numa instalação que contivesse apenas energia natural. Tinha algo a mais naquele vale. A estrutura lembra muito o Stonehenge na Inglaterra. 
Dizem que o HENGE foi construído para suportar uma máquina conhecida como o Glocke, ou sino.Segundo Jim Mars, autor do livro "The Rise of the Fourth Reich", o SINO foi um dos melhores projetos secretos do Terceiro Reich, tão secreto que nem se sabe se o próprio Hitler tomou conhecimento do projeto. Cientistas como Hermann Oberth e Wernher von Broaun, estavam trabalhando em uma nave em forma de sino que usava propulsão eletromagnética. Isso, dizem alguns, que era a WUNDUWAVA, a arma maravilhosa, que mesmo no último minuto de guerra, quando o exército soviético cercou os poloneses, ele teria mudado completamente a história e o curso da guerra. 
O sino tinha revestimento cerâmico, com 10 metros de altura e 5 de diâmetro. Como o sino tinha uma aerodinâmica muito diferente para lhe dar com o ar que passaria ao seu redor. Como sua área é diretamente proporcional e transversal ao ar, a resistência do mesmo não o permitiria decolar ou flutuar. Se fosse um Overcraft que iria numa mesma direção para cima ou para baixo, teríamos uma bela aplicação. Mas se o SINO não era uma nave então o que seria? 
Segundo os Teóricos dos Antigos Astronautas, o Sino era um tipo de máquina do tempo,construída acima de um vórtice eletromagnético dentre vários conhecidos no planeta Terra. 
Segundo a Física moderna, a força da Gravidade e o campo eletromagnético estão ligados por uma força ainda desconhecida. Segundo as leis da Física, um campo Eletromagnético em alta voltagem, adquire uma propriedade que faz com que a matéria desapareça e reapareça no mesmo instante, transpassando o que chamamos de espaço-tempo continuo, ou talvez uma outra dimensão. 
O regime nazista então estaria trabalhando numa nave que tinha essas características eletromagnéticas fazendo com que viajassem no tempo.
Quase na mesma época, Albert Einstein desenvolveu a teoria da Relatividade Geral, que diz que um ser humano viajando perto da velocidade da luz ele supostamente estaria viajando pra o futuro pois o tempo para um observador de outra nave passará mais lento enquanto para o tripulante, passaria "normalmente", ou seja ele estaria sim viajando para o futuro. A nave então seria invisível na nossa dimensão. Se o controle do fluxo da viagem do espaço-tempo for controlado o viajante poderia viajar para trás no tempo. 
Estranhamente, o comandante das SS, Hans Kammler desapareceu, momentos antes de se entregar em troca de imunidade. Para o Autor Jim Mars, Kammler tomou o rumo de onde estava o HENGE e teria aberto um StarGate ou um buraco de minhoca com a energia restante do SINO. 
Para que esta nova tecnologia não caísse em mãos americanas ou de outras potências, os alemães executaram todos os cientistas e engenheiros do projeto. Segundo o Ufólogo Allen Greenfield, a psíquica Maria Orsic, membro da sociedade secreta Vril, enviou mensagens telepáticas afim de ajudar os seus outros companheiros com ajuda de seres extraterrestres. Os membros então se reuniram em código, num lugar perto de Hamburgo. Na época, um óvni foi visto nas proximidade da cidade. Ela e os outros membro-chave da sociedade simplesmente desapareceram sem deixar vestígios, inclusive Martin Bormann, um dos principais ocultistas do grupo. 
Anos depois em Kecksburg, Pensilvânia, um objeto semelhante ao sino, foi visto por muitas pessoas. 
Em 30 de abril de 1945, com o exército aliado fechando o cerco em Berlin, Hitler suicidou-se. Dois dias depois a cidade caiu. Depois da guerra na Europa muitos líderes desapareceram para nunca mais serem vistos, alguns cientistas então foram para os Estados Unidos e junto com eles, a tecnologia antiga dos Nazistas. 
Dois meses depois da guerra, um grupo de cientistas americanos liderados por Robert Oppenheimer, se reuniram num lugar remoto do México conhecida como Jornada Del Muerto (caminho dos mortos). Eram 5:29 de 16 de julho de 1945 os cientístas detonaram a "primeira bomba atômica" com a mesma tecnologia dos textos hindus antigos secretos encontrados pelos nazistas. 
Vinte e cinco anos após a guerra, Niel Armstrong deu um grande salto para a humanidade, pisando pela primeira vez em solo lunar. Mas a corrida espacial americana até não foi muito bem explicada. Como eles conseguiram tanta tecnologia aeroespacial num curto espaço de tempo? Talvez com ajuda da tecnologia antiga que os nazistas estavam trazendo de volta?

Blogs

Postagens Populares

Entre em Forma